quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Intacta

Podem desiludir meu coração,mas os sonhos de dentro dele ninguém conseguirá arrancar.
Podem cortar meu coração,mas minha esperança jamais escorrerá junto com o sangue.
E podem até maltratar meu coração que minha alma permanecerá intacta.
Podem rejeitá-lo apesar de possuir o sentimento mais nobre e verdadeiro,e continuarei seguindo,de mente limpa.
Podem com toda frieza e tirania me dar um banho de água fria,mas congelar meu coração,nunca.
Haverá quem o aqueça.
Podem lançar mil flechas de ódio e mágoa,porém meu guerreiro coração atingido e ferido sobreviverá.
Podem questionar meu coração tolo e confuso ,mas um dia alguém saberá descobrir o sentido dele e cuidar com todo ardor.
Podem não ter a mínima noção do quanto me dói,e me corrói o coração essas suas atitudes cegas e cruéis,mas não,eu não guardarei sentimentos pobres e vis ;guardarei nossos melhores momentos;saberei perdoar porque esse sim é o melhor caminho para a cura.
Podem até brincar com meu coração,porém o que me importa é que EU o levo a sério e haverá alguém que assim também o leve.
Podem tentar parti-lo a todo custo,mas depois do desmoronamento,juntarei meus cacos e voltarei a cravejá-lo de diamantes.
E continuarei andando,ainda com esse meu coração de criança,usado e cansado,amando e perdoando com todas as cicatrizes e cortes ainda em carne viva,porque podem torcê-lo e darem quantos nós quiserem,mas a fórmula da minha essência ninguém destrói.
E podem até roubar meu coração,mas se por ventura não souber preservá-lo,exigirei devolução imediata.

Um comentário:

Angélica Lins disse...

MUITO LINDA ESSA POSTAGEM!

Beijo